MULHERES

A Diretoria de Mulheres caracteriza-se por compor o corpo identitário e de resistência da gestão do Centro Acadêmico Afonso Pena, de modo a representar a comunidade discente feminina da Faculdade de Direito da Universidade Federal de Minas Gerais.

É de conhecimento que o ambiente acadêmico não está imune à realidade patriarcal. Logo, a conquista por uma posição, não apenas de destaque, mas também que seja reconhecida e respeitada, é uma luta diária do privilegiado corpo de mulheres que possui acesso à universidade pública.

Nesse sentido, a diretoria se propõe, não somente a criar um espaço de acolhimento às mulheres, mas, também, promover um debate construtivo com pautas de gênero e luta dentro e fora da faculdade. Sendo necessária a construção de uma consciência social e de uma ampliação das possibilidades de reflexão, a fim de que a faculdade pública seja, de fato, um ambiente que se atente às reais urgências dos grupos minoritários da nossa sociedade.

Assim, almeja-se unir o ambiente acadêmico, cada vez mais, à sociedade como um todo, sem ignorar a interseccionalidade, a qual marca a luta das mulheres. Portanto, a diretoria se faz por um espaço sempre aberto ao diálogo e ao ingresso de novas mulheres que almejam contribuir para essa luta.